Missão na Globo: criar conteúdo e tecnologias para tv, cinema, internet e muito – muito – mais - PrograMaria

Tem paixão por tecnologia e se empolga por transformação constante? A Globo procura gente assim para desenvolver seus conteúdos e tecnologias

Aqui na Globo temos a missão de criar, produzir e distribuir conteúdos de qualidade que informem, divirtam, contribuam para a educação e permitam aos indivíduos e comunidades construir relações que tornem a vida melhor.

Para conseguirmos isso precisamos de duas coisas: pessoas e tecnologia.


A Globo é feita de gente que quer fazer diferente, fazer junto, fazer o futuro. Gente espalhada por todo o país (e mundo!) trabalhando com conteúdo, notícias, negócios, tecnologia e brasilidade de sobra.

Recentemente nos transformamos em uma empresa mediatech, reconhecendo tecnologia e conteúdo como a alma do nosso negócio, e mergulhamos em uma atuação D2C, colocando o nosso cliente no centro.

 

Tecnologia Globo


Nossa galera está dividida em quatro grandes pilares de atuação:

  • Produção e distribuição de conteúdo e soluções de mídia e broadcast;
  • Produtos D2C, publicidade e experiência do colaborador;
  • Infraestrutura de tecnologia e segurança da informação;
  • Analytics, governança de dados e arquitetura.

 

Na Globo, os times são multidisciplinares, formados por pessoas apaixonadas pelo que fazem e referências em suas áreas. Nós trabalhamos com uma enorme variedade de tecnologias e linguagem, e acreditamos no compartilhamento de conhecimento com a comunidade tech.

Todo dia temos a possibilidade de impactar positivamente milhões de usuários, sejam internos, com modernização e eficiência dos nossos sistemas e processos, ou externos, desenvolvendo soluções para o nosso portfólio e novos produtos e serviços digitais. É gente pra caramba trabalhando para impactar mais pessoas ainda 😉

Os desafios da nossa área de tecnologia

Nossa tarefa é clara, mas, ainda assim, complexa: antecipar o futuro trazendo inovações que possam gerar valor para o conteúdo, o consumidor e o nosso negócio.

Para conseguir isso não temos medo de explorar novas tecnologias como blockchain, machine learning, edge computing, inteligência artificial, dentre outras que geram ideias de aplicação e experimentações dentro do nosso ecossistema de atuação. Isso se traduz no desenvolvimento de soluções inovadoras para nosso portfólio, frente de adtech e parcerias, assim como em muitos componentes de criação própria ou customizações de ferramentas do mercado, além da criação de novos produtos.

Trabalhamos para dar vazão a uma audiência que cresce cada vez mais em projetos que precisam de plataformas robustas, por isso, é essencial mantermos todos os dados integrados entre os diversos produtos do nosso ecossistema. Faz parte da nossa tarefa apoiar a empresa na tomada de decisões baseada em dados e somos responsáveis pela construção de melhores soluções analíticas para alavancar resultados e incentivar a cultura data driven.

Por aqui simplificamos soluções, assegurando a entrega de MVPs bem elaborados, equilibrando a proporção entre soluções rápidas e débitos técnicos gerados por essa velocidade, sempre trabalhando para otimizar esses débitos sem impactar as entregas do negócio.

E para cuidar de todo esse ecossistema, temos uma forte atuação em cyber security, conduzindo nosso programa de cloud e garantindo a segurança da informação e do conteúdo como parte fundamental da estratégia da empresa.

 

Algumas das nossas stacks e tecnologias

mulesoftgitlabzabbixgitlab-ci

virtuoso html javascript mobiled redis elasticsearch
node.js git bigdata puppet kibana mongodb
c c++ typescript android on-prem python
swift css oracle mysql activemq react-native
elk web quarkus grafana rabbitmq brightscript
ruby java flutter micrometer salesforce apache-kafka
flask apex go tensorflow arduino spring-boot
django nginx
appdynamics prometheus prometheus-alertmanager
bi-publisher google-bigquery google-data-studio
open-source semantic-web amazon-web-services

 

 

Para dar conta de tantas frentes, acreditamos que a variedade de stacks e linguagens é nossa aliada. Seja para se especializar ou para experimentar com essa diversidade, o que não falta são opções para serem exploradas por quem vem trabalhar com a gente 😉

Nossa arquitetura é hexagonal, baseada em microsserviços e grandes sistemas de mercado como Oracle BRM – nosso sistema de Billing –, Camunda – usado para orquestração BPRM – e Salesforce – nosso CRM.

Falando de Salesforce, usamos algumas soluções integradas ao sistema como o AMAP – para gestão de produtos, propostas e precificação (CPQ) – e o Mulesoft – para integração de dados entre Salesforce e demais plataformas.

Algumas linguagens específicas também são utilizadas nesse contexto como APEX – linguagem de scripts da Salesforce fortemente baseada em Java –, Java via SpringBoot – por ser uma linguagem robusta e com aceleração do desenvolvimento – e Java via Quarkus – quando precisamos escalar rapidamente e manter a compatibilidade do código. Também utilizamos NodeJS, GO, Python e, por que não, qualquer outra linguagem que acelere nosso desenvolvimento!

Trabalhamos com algumas nuvens diferentes para hospedagem das nossas aplicações e infraestrutura. Alguns exemplos são a AWS e GCP, que nos permitem realizar deploys automáticos, monitorar nossa infra e escalar recursos de maneira rápida. O OnPrem, que é nosso DC baseado em kubernetes e Tsuru. E a Oracle Cloud, onde hospedamos toda a nossa estrutura de Billing.

A variedade também aparece no uso de bancos para armazenamento. O MongoDB é utilizado para dados desnormalizados e, principalmente, para “visões pré-montadas”. Já o MySQL é dedicado a dados relacionais e, também, para controle das filas de BPMN. E o Redis é mais usado para caches em memória.

Para desenvolvimento de aplicações em sistemas IOS e Android utilizamos React Native, Flutter e código nativo quando precisamos. Além disso, também trabalhamos com Swift para o SDK Apple, Adroid para o SDK Google e BrightScript para o SDK Roku.

Em aplicações backend usamos Python, NodeJS e arquiteturas de microsserviços na nuvem. Também construímos módulos em C/C++, especialmente quando precisamos de alta performance! Como container de API para serviços de backend usamos o Spring Boot.

Nossos frontends são desenvolvidos majoritariamente em Angular +10, Typescript e React, e utilizamos o Nginx para o controle de assets e cache no frontend.

Para nossos projetos mais “diferentões”, como aplicações de inteligência artificial e IoT, utilizamos TensorFlow e Arduíno (programando em C), respectivamente.

Algumas iniciativas com foco em compartilhamento de conhecimento

Com tanta inovação e aprendizado diário, não dá pra gente não compartilhar o que é desenvolvido aqui dentro com a comunidade tech mundo afora. Quer encontrar com a gente, se aprofundar em alguns conteúdos técnicos ou só matar a curiosidade sobre o que rola dentro da Globo? Então se liga:

globotech tem o objetivo de fortalecer a comunidade de tecnologia como um todo. Criamos conexões entre profissionais para proporcionar troca de experiências, discutir práticas de mercado, fazer novos contatos e (por que não?) novas amizades. Se você também ama tecnologia como nós, faça parte da comunidade: Meetup Globotech e marque presença nos nossos encontros.

Se quiser assistir nossos últimos encontros, é possível. As gravações das edições on-line do Globotech então no nosso canal do YouTube: Canal do Vem Pra Globo

Não podemos falar de compartilhamento de conhecimento sem falar de iniciativas Open Source. Dá para conferir todos os nossos projetos abertos aqui: Open Source Globo

Outra novidade é nosso Open Dojo, em que buscamos incentivar qualquer pessoa que quer aprender a programar de maneira colaborativa através de sessões de Coding Dojo. Aqui temos espaço para ampliar o alcance das discussões e trocas das nossas sessões semanais internas na Globo, interagindo com profissionais e estudantes de qualquer lugar enquanto tentamos resolver juntos alguns desafios de lógica. Quer saber como foram nossas primeiras sessões abertas? É só conferir no canal da iniciativa: Canal do Dojo Globo

No Hackday, a hackathon tech interna da Globo, nossos times têm a possibilidade de explorar suas habilidades desenvolvendo projetos inovadores durante dois dias de imersão com muita troca e criatividade. Nem a pandemia conseguiu nos parar! Em 2020, nossa primeira edição remota reuniu mais de 250 participantes desenvolvendo mais de 80 projetos diferentes. Para esse ano planejamos MUITO MAIS!

Curtiu o que viu e quer colaborar com nossa transformação constante?

vem pra globo 😉

 

Nesse momento de isolamento social os nossos processos seletivos estão acontecendo de forma 100% remota e encorajamos inscrições de qualquer lugar do Brasil. Quer saber mais sobre como é #EstarNaGlobo? Dá pra acompanhar nosso dia a dia, desafios e conquistas nas nossas redes:

Linkedin | Instagram | Facebook

 

CRÉDITOS

Autoria: 

Equipe da Globo

Revisora

Luciana Fleury, jornalista

https://www.linkedin.com/in/luciana-fleury-1b024083/

 

Este conteúdo faz parte da PrograMaria Sprint Cases de Inovação e Tecnologia da Globo.

O que você achou deste conteúdo? Responda nosso feedback: